Projeto Eco Escolas: Visita de Estudo

No passado dia 16 de maio, no âmbito dos CCVnE, enquadrado no currículo da disciplina de Ciências Naturais e do Projeto Eco Escolas, os alunos do 7.º ano, do AE Cristelo, realizaram uma visita de estudo guiada ao Aterro Sanitário de Lustosa e ao Centro de Triagem de Cristelo – Ecocentro.

Convictos de que, por vezes, a sala de aula é redutora na transmissão de alguns conteúdos, nomeadamente aqueles que estão relacionados com as questões ambientais, a Escola proporcionou aos alunos a oportunidade de conhecerem estas duas unidades, que se dedicam à Recolha, Tratamento e Gestão de Resíduos do Vale do Sousa, e de aprenderem com os profissionais destes setores.

Na Estação de Triagem de Lustosa, os alunos puderam observar e acompanhar todo o funcionamento do circuito de separação dos RSU, provenientes da recolha seletiva. Após a triagem, o material valorizável é armazenado, sendo posteriormente encaminhado através das Entidades Gestoras de Resíduos de Embalagens. Ao longo deste circuito, os discentes foram colocando questões e esclarecendo dúvidas, assim como curiosidades que iam surgindo.  Já no Ecocentro de Cristelo, guiados pelo monitor, visitaram as instalações e tiveram a oportunidade de visitar a fábrica de briquetes, que resulta de um aproveitamento de resíduos de madeira proveniente da produção de mobiliário. Estes briquetes são futuramente utilizados no aquecimento da rede de escolas do concelho.

Esta atividade revelou-se um excelente momento de aprendizagem em contexto de outdoor e extremamente enriquecedora, uma vez que proporcionou aos alunos uma reflexão acerca dos comportamentos do quotidiano, sensibilizando-os para a adoção de práticas sustentáveis e mais amigas do ambiente. Permitiu-lhes, ainda, ficar mais esclarecidos sobre as questões ambientais, ensinando-lhes que, com simples gestos, todos os dias podemos fazer a diferença e dar um contributo real para a sustentabilidade do nosso Planeta.

Está nas “nossas mãos” gerir corretamente os resíduos, de modo a evitar “consumir” o espaço do aterro.

Artigo publicado por

PArtilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.